O Brasil e a transformação dos negócios

Afirmar que a aproximação de TI com o negócio é inevitável ou que as empresas precisam passar por uma transformação digital para sobreviverem, é novidade? Não.

Estes assuntos vem sendo debatidos intensamente durante o último ano pelos mais variados institutos de pesquisa e  consultorias ao redor do mundo. Mas e o Brasil nesta história?

Uma recente pesquisa realizada pelo IDC com 150 empresas brasileiras de médio e grande porte mostra como durante o último ano a redução de custos da empresa perdeu importância, ao mesmo tempo que a introdução de novos produtos no mercado ganhou mais peso.

É verdade que para muitas empresas o olhar ainda é de curto prazo e com foco em oportunidades relacionadas a produtos, mas o movimento tem aumentado e será inevitável que um processo mais amplo de transformação aconteça.

Empresas digitais, que são ágeis por natureza, não conseguem conviver com excesso de controle, com estruturas verticalizadas e centralização de decisões.

Empresas digitais se aproveitam de um mundo hiperconectado ao invés de evitá-lo, o que faz com que investimento em iniciativas como Cloud Computing, Big Data e Segurança tornem-se foco.

Para se ter ideia, a quantidade de empresas com iniciativas mobile dentro delas chega a 68%. Sessenta e oito!

Isto significa que o Brasil está no mesmo ritmo do restante do mundo? não.
A infraestrutura tradicional de TI ainda concentra 63% do orçamento das empresas, contra apenas 6% em cloud (base de sustentação para a transformação digital), mas a boa notícia é que os investimentos em computação em nuvem no Brasil tem crescido muito, estando presente em 37,4% das iniciativas das empresas este ano.

Ao que tudo indica, CIOs e líderes de TI tem entendido quão importante é tornar suas áreas mais ágeis e flexíveis, ao mesmo tempo que garantem estabilidade e segurança dos sistemas.

Gustavo Villa

Entusiasta de tecnologia e comunicação, Gustavo Villa esteve à frente de agência de marketing por mais de 8 anos. Atualmente é coordenador de produtos no UOL DIVEO.